sexta-feira, 2 de setembro de 2011

A Estrada

Por uma longa estrada de terra de sua fazenda, vazia e mal iluminada, andava um senhor. Ele tinha aparência frágil, demonstrada pelos passos lentos.
Seis jovens saíram do matagal e se aproximaram dele, que fingiu nada ver.
Um dos jovens apontou uma faca, pedindo tudo o que o senhor tinha.
Irritado por dentro, mas demonstrando serenidade, ele entregou e retornou a caminhar.
Mais calmo encontrou com um desconhecido, que vira tudo acontecer.
- Por que você não me ajudou? - perguntou o senhor, furioso novamente.
- Com qual finalidade?
- Eles me roubaram!
- Você nunca errou?
- Claro que sim. Mas isto não!
O desconhecido então apontou para o chão de terra e perguntou: qual o tamanho da sua estrada?
- Longa. Não lembro. Não sei. - respondeu o velho.
- Pois é. Enquanto você estiver na sua estrada, não importando a idade, a pessoa pode roubar o que quiser. O que ela não sabe é que está se esquecendo de seguir a dela. Está roubando os próprios passos.

Reflita: Não importa o que fazem. Dê o perdão e continue. Tenha certeza de que Deus reconhecerá que você está perdoado e que quem mal lhe retribuiu, prestará contas a Ele. Siga sua intuição e confie.

2 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Olá , gostaria de saber se tem interesse em fazer parceria com o blog Funhouse http://funhousesa.blogspot.com/

    contatofunhousesa@hotmail.com

    ResponderExcluir